Detalhes Bairro Quarta Parada de São Paulo – SP

Sobre o Bairro de Quarta Parada de São Paulo – SP

Página aleatória sobre as curiosidades, localização e rotas do bairro Quarta Parada de São Paulo – SP em face da Musical Easy sua escola de música.

quarta-zl-sp-parada
zona-leste-aula-musical

Zona Leste de São Paulo – Quarta Parada – SP

Nossos alunos não apenas mergulham em seus estudos musicais com um foco intenso, mas também são encorajados a expandir suas perspectivas e ultrapassar seus limites.

Quarta Parada
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação
Saltar para a pesquisa
Quarta Parada
Bairro de São Paulo Bandeira da cidade de São Paulo.svg
Cemitério da Quarta Parada (interior 7).jpg
Imigração predominante Itália
Portugal Portugal
Croácia
Distrito Belém
Subprefeitura Mooca
Região Administrativa Sudeste
ver

Quarta Parada é um bairro da região leste do município de São Paulo, cuja área está contida no distrito do Belém.

Seu nome deriva da antiga estação de trens do ramal de São Paulo da Estrada de Ferro Central do Brasil, cuja quarta parada, denominada Clemente Falcão, desativada em 1981 em razão da inauguração da Estação Tatuapé, deu o nome a este bairro. O início da urbanização da Quarta Parada está diretamente ligado ao desenvolvimento da imigração europeia em São Paulo a partir do primeiro quarto do século XX.

Atualmente, ainda são perceptíveis as coletividades italiana, croata e portuguesa.
Ver também

Zona Leste de São Paulo
Linha 11 da CPTM
Linha 12 da CPTM
Cemitério da Quarta Parada

Ligações externas

Clemente Falcão — Estações Ferroviárias do Estado de São Paulo (em português)

[Esconder]

vde

SP – São Paulo – Zona Sudeste – Subprefeitura da Mooca
Água Rasa

Água Rasa Alto da Mooca Chácara Mafalda Chácara Paraíso Jardim Guanabara Jardim Haddad Jardim Itália Jardim Silveira Vila Bertioga Vila Celeste Vila Cláudia Vila Clotilde Vila Diva Vila Graciosa Vila Invernada Vila Leme Vila Libanesa Vila Lúcia Elvira Vila Oratório Vila Paulina Vila Regente Feijó Vila Rio Branco Vila Santa Clara

Belém

Belenzinho Catumbi Chácara Tatuapé Quarta Parada

Brás

Brás

Mooca

Hipódromo Mooca Parque da Mooca

Pari

Canindé Pari Alto do Pari

Tatuapé

Chácara Maranhão Cidade Mãe do Céu Jardim Alice Jardim Textília Parque São Jorge Tatuapé Vila Azevedo Vila Brasil Vila Gomes Cardim Vila Luísa Vila Lusitana Vila Moreira Vila Santo Estêvão Vila Zilda

Cemitério da Quarta Parada
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação
Saltar para a pesquisa
Ambox rewrite.svg

Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo. Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior. (Setembro de 2017)

Coordenadas: 23.54671° S 46.58199° O
Cemitério da Quarta Parada (exterior 5).jpg
Cemitério da Quarta Parada (interior 2).jpg

O Cemitério da Quarta Parada, anteriormente conhecido como Cemitério do Brás, é um cemitério localizado na zona leste, mais especificamente no bairro da Quarta Parada, localizado na Avenida Salim Farah Maluf, s/n, entre os bairros do Brás, Tatuapé, Belenzinho e Mooca, possui várias entradas pelas ruas David Geizer, Tobias Barretos e Avenida Alvaro Ramos que cercam o terreno do cemitério, localizado da cidade de São Paulo, Brasil.[1]. Todos os anos, um número superior a 100 mil pessoas visita o cemitério, com destaque, é claro, no dia de finados, onde o fluxo aumenta consideravelmente.[2]
Índice

1 História
2 Velório
3 Curiosidades
4 Personalidades sepultadas
5 Ver também
6 Referências

História

Fundado no dia 6 de janeiro de 1893, sendo um dos mais antigos na cidade de São Paulo[3], conta com uma área de 183 mil metros quadrados e cerca de 400 mil pessoas sepultadas.

O nome “Quarta Parada” tem origem no fato de localizar-se próximo da estação que constituía a quarta parada do trem em direção ao município de Cachoeira Paulista, contando-se a primeira a partir da estação do Brás. Hoje, as duas paradas intermediárias estão desativadas, mas o cemitério adotou o nome dado ao bairro. O antigo nome oficial de “Cemitério do Brás” deve-se à sua criação ser anterior ao desmembramento do distrito do Brás, ocorrida no início do século XX. No início, a maioria dos túmulos encontrados no cemitério eram de chão, hoje em dia, encontra-se como grande maioria, Mausoléus e Túmulos Familiares, com gavetas para urnas, porém a grande maioria já está indisponível.[3]

Como os demais cemitérios conhecidos como da classe alta da grande São Paulo este cemitério também possui jazigos de tamanhos monumentais e diversas obras de artes esculpidas em seus túmulos, essas grandes obras foram encomendadas na época pelos barões de café, juristas, industriais, comerciantes prósperos e políticos que queriam sepultar seus familiares em túmulos de granito, bronze e com obras de arte. Juntamente com outros cemitérios como: os cemitérios do Araçá, São Paulo e Consolação, é considerado um dos mais caros da capital.[3]

O acervo dos livros de sepultamento de 1893 a 1941 foi totalmente digitalizado e está disponível para pesquisa no website Family Search d’A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (“mórmons”).
Vista exterior do cemitério

A fundação do Cemitério foi realizada após a inauguração do Cemitério da Consolação. O Cemitério da Consolação, inaugurado em 1858, apesar de ser Municipal, passou a abrigar jazigos e túmulos da burguesia cafeeira e de pessoas importantes. O Cemitério do Brás, tornou-se com o tempo um lugar que conservava uma grande grupo de pessoas de origem italiana.[4]

Ambos os cemitérios, do Brás e da Consolação, foram alvos de famílias de imigrantes italianos que acabaram construindo em suas sepulturas citações de acontecimentos históricos na metrópole São Paulo,sendo através de inscrições, monumentos, esculturas ou até mesmo a localização, entre os séculos XIX e XX. Ao analisar o modo como os cemitérios foram criados e sua situação na época atual, foi notado que é possível compreender a pluralidade da história dos imigrantes. A presença desses polos estrangeiros nos cemitérios acabaram por transforma-los em verdadeiros museus a céu aberto, mesmo que não tivessem essa intenção na época.[5]

Velório Cemitério Quarta Parada – tatuapé
Localização

Av. Salim Farah Maluf, s/n – Água Rasa SAO PAULO – SP, 03303-010
Telefone: (11) 2601-9697

Mapa do Bairro Quarta Parada, São Paulo – SP

O Mapa de Quarta Parada de São Paulo – SP exibe as principais avenidas e ruas que interligam o bairro com outros pontos da cidade. Navegue pelo mapa para encontrar Lojas, Panificadoras, Supermercados, Postos de Gasolina, Conveniências e outros negócios/empresas da região.
Endereços de Quarta Parada, São Paulo

Listamos os 10 primeiros endereços de Quarta Parada de 60, SPem ordem alfabefica. Utilize a opção Ver mais para ver a lista completa de endereços de Quarta Parada, São Paulo.

Avenida Alcântara Machado
Avenida Álvaro Ramos
Avenida Salim Farah Maluf
Praça Antônio José Martins
Praça Armando Miranda
Praça Boca de Dragão
Praça Campanha
Praça Dora Angélica Fabiano Bayerleim
Praça Edmundo Benvenutti
Rua Aconito
Rua Anette
Rua Armando Ferreira Varanda

Violão guitarra e bateria Site.

Tatuapé ZL

Os Gênios da música iniciaram com uma nota

Você traz a paixão, juntos nós construímos seu futuro.

Open chat